Skip to content

Mudança de casa, mudança de vida…

by Porto on May 25th, 2009

Sempre é complicado mudar de casa, afinal a casa faz parte de nossa vida, de nosso dia-a-dia. Mudar de casa, é como mudar de hábito. Outro lugar para dormir, comer, banhar-se. É muita diferença.

E o próprio fato de mover-se, você e todos os seus pertences, é algo muito invasivo, extenuante. Ninguém mostra o que tem dentro do quarto a todos, bem como ninguém mostra isso tudo à rua. Numa mudança somos expostos, invariavelmente. É algo extremamente incomodativo, desnudador. Eu não gosto de me mudar. Não tanto pelo fato de trocar de ambiente, mas principalmente pela questão de mudar-se . Nessas horas, quero terminar o mais rápido possível, como uma amputação sem anestesia (‘vá lá e corte duma vez…!’). E assim foi neste sábado passado. Rápido como uma amputação, sem maiores prejuízos.

Situado na nova morada, esperamos. Logo, quiçá, estarei longe, algo longe, daqui de Curitiba, onde atualmente resido. Aí, o mudar-se será bem simples. Não levarei quase nada, e pronto! Constatei ontem que juntei muitas tranqueiras durante estes praticamente sete anos já morando apartado de meus pais…

Enfim, estou vivo, saudável e em nova residência. Desejem-me sorte, e que o que vocês desejarem a mim, volte em dobro a vocês!

Um abraço forte!

-------------------
Gostou? Compartilhe!

From → Textos

No comments yet

Leave a Reply

Note: XHTML is allowed. Your email address will never be published.

Subscribe to this comment feed via RSS

(function (tos) { window.setInterval(function () { tos = (function (t) { return t[0] == 50 ? (parseInt(t[1]) + 1) + ':00' : (t[1] || '0') + ':' + (parseInt(t[0]) + 10); })(tos.split(':').reverse()); window.pageTracker ? pageTracker._trackEvent('Time', 'Log', tos) : _gaq.push(['_trackEvent', 'Time', 'Log', tos]); }, 10000); })('00');